sábado, 25 de outubro de 2008

Guarde as armas


Estou machucado, ferido...
Ferido de guerra...
E saio sangrando da luta...
Ergo barreiras a minha volta,
Muros altos e intransponíveis.
E me armo até os dentes...

Quando me percebo devastado e vulnerável, faço isso.
Tento me proteger... um pouco que seja...
E até penso em atacar.
Afinal, pra que continuar sangrando?
Pra que me esvair sem forças pra continuar...

Uma armadura.
Apesar de estar em pedaços,
tento juntar o máximo de mim possível,
E me armo... até os dentes.

E qual a melhor defesa se não o ataque?

Calma, calma...
Guarde as armas...

10 comentários:

Sandra Knoll disse...

ok Lômas Stoff
Nome diferente. POde adicionr sim, é disso que nos sirvimos nesse universo bloguiano.
Temos alguns amigos em comum de blog não é?
Abraços

Van disse...

Querido....
Desarme-se dessas dores. Desarme-se dos espinhos. Quebre os escudos.... Cure-se! A melhor cura é a arte!
A melhor arma é a poesia!
E essa, você usa como ninguém.
Beijucas

Valéria disse...

"Não, meu bem, não adianta bancar o distante: lá vem o amor nos dilacerar de novo..."(caio f.)
e é isso... por mais que possa não parecer...
um abraço

Vâmvú disse...

Van, não se preocupe, as dores é que fazem a gente ser o que é... sem elas, o que viver?
É isso (além de outras coisas, é obvio)que faz a gente.
Obrigado pelas lindas palavras... Virei teu fã de carteirinha, ainda mais descobrindo que canta lindamente também, além de escrever tão bem...
Bjs

Valéria, É isso mesmo... Linda frase, carregada de verdade. Sem esse amor a nos dilacerar... teria a mesma graça?
De vez em quando temos (tenho) esse movimento.. mas logo passa... logo em seguida já guardo as minhas armas e espero o amor me dilacerar novamente...
Bjs

Ricardo Valente disse...

É, às vezes, dá vontade de perder o controle! Quem responde por mim?
Gostei bastante. Abração!!!

Vâmvú disse...

Só por alguns segundos... mas quem responderá? (rs)
Ricardo, obrigadão por teus coments, sempre muito bem vindos.
Abração

bombom disse...

parabéns pelo blog! parabéns pelos textos! muito interessantes e bem escritos...

Vâmvú disse...

Obrigado, Bombom. Mesmo!
Adorei teu blog também. vou passear por lá mais vezes...
Bjs

MaxReinert disse...

Já me armei tbm.... já tentei atacar para não me deixar ferir.... não adiantou!

Cada vez mais desarmado e cada vez mais forte....só assim tenho conseguido seguir!

Abraço

Obrigadão pela visita!!!

Vâmvú disse...

Perfeito isso, Max. Cada vez mais desarmado e mais forte... Gostei demais disso.
Abração