quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Esperança II

Oco
Vazio
Ida
Volta
Ar
Vento
Nada
Branco
Tudo
Preto
Úmido
Seco
Não
Sim...
Não
Seco
Úmido
Preto
Tudo
Branco
Nada
Vento
Ar
Volta
Ida
Vazio
Oco
E continuo aqui...

Um comentário:

Ricardo Valente disse...

Muito belo e real, teu poema. Abraço!